fbpx

Shopping center: como a mediação online pode solucionar conflitos com lojistas

BlogPosts
Nenhum comentário

A mediação é um meio alternativo de resolução de conflitos poderoso e que pode ser usado para pacificar diferentes tipos de relacionamento, dos pessoais aos profissionais, passando, é claro, pelos comerciais. Nesse sentido, é perfeitamente possível de aplicá-la nos problemas que podem nascer na relação entre um shopping center e seus lojistas.

O que é strip mall e quais os desafios jurídicos que esse negócio enfrenta?

O Brasil é um grande mercado de shopping center. Segundo números da Abrasce, entidade que representa o setor, há 563 estabelecimentos em atividade hoje no país. Esses são formados por 104.928 lojas e empregam um milhão de pessoas. É natural, portanto, que conflitos aconteçam entre os donos do shopping e aqueles que alugam o espaço, principalmente em razão de algumas particularidades desse tipo de contrato.

Principais conflitos entre shopping center e lojista

  • Aluguel mensal

Para um shopping center dar certo, precisa estar localizado em um bom endereço e contar com uma boa infraestrutura. Tudo isso gera custo para os donos do empreendimento, custos esses que inevitavelmente são repassados aos lojistas na cobrança do aluguel, por exemplo. Aos donos do shopping, interessa resolver esse tipo de problema com tranquilidade, para evitar que o lojista desista do local, aumentando a vacância no espaço

  • Aluguel em dobro

Essa é uma das disposições mais comuns nos contratos de shoppings centers: a cobrança de aluguel em dobro em dezembro, quando, em tese, as vendas dos lojistas são melhores e os donos do empreendimento tem mais gastos, como 13º dos funcionários e outros relativos aos horários estendidos de atendimento. O problema acontece em anos de crise, quando as vendas caem e os lojistas sentem a pressão da queda do seu faturamento. 

  • Mix

Outra cláusula contratual que é fonte de conflitos entre shopping center e lojista é a chamada “mix”, que prevê que o dono do estabelecimento poderá mudar as lojas de lugar, de acordo com suas necessidades mercadológicas. Embora seja comum, a doutrina recomenda que essa cláusula seja ser invocada com calma, de modo a não gerar um ônus excessivo ao lojista, quebrando o equilíbrio na relação contratual. 

ODR: 5 razões para as empresas do varejo apostarem nesse método

Como a mediação online pode ajudar?

Como vimos, os contratos de shopping center são compostos por cláusulas contratuais rígidas e que podem ser consideradas inoportunas pelos lojistas, especialmente em tempos de crise. Para evitar a judicialização do problema, a mediação pode ajudar o shopping a lidar com o caso de maneira amigável e equilibrada.

Como a Mediação Online pode trazer eficiência operacional e financeira para sua empresa

A mediação é um método ideal para conflitos profundos e emocionais entre pessoas ou empresas que mantenham uma relação próxima, como é o caso de um shopping center e um lojista. O processo envolve a participação de um mediador, que irá auxiliar os envolvidos a chegar em um acordo que seja benéfico a todos. 

Resolver um conflito com a mediação ajudará a fazer com que a confiança entre as partes seja restaurada, bem como o bom relacionamento. E isso de maneira mais rápida e mais barata do que as vias judiciais. 

Se interessou pelo nosso conteúdo e quer saber mais sobre as soluções? Entre em contato conosco

O conteúdo oferecido faz parte da Academia MOL.

Para saber mais sobre a MOL – Mediação Online, acesse www.mediacaonline.com.

Siga a gente no Instagram, LinkedIn e Facebook.

,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Posts Recentes

Menu