Como a automação de processos pode otimizar a estratégia de acordos da sua empresa

BlogPosts
Nenhum comentário

O avanço da tecnologia trouxe uma série de benefícios para o mundo corporativo. Nos departamentos jurídicos das empresas, a automação de processos já é uma realidade que tem contribuído para tornar mais eficientes as estratégias de acordos. Aumento da produtividade, diminuição de erros humanos e melhor controle de prazos são alguns dos benefícios que os negócios têm ao usar a tecnologia em suas frentes de negociação com parceiros, colaboradores e, sobretudo, consumidores.

A automação de processos (ou RPA, sigla para Robotic Process Automation) consiste na criação de robôs, em forma de softwares, que executam tarefas repetitivas ou operacionais dentro de uma empresa. A RPA “imita” o que um ser humano faria para executar a atividade, com a vantagem de poder repeti-la em altíssima velocidade e quantas vezes e por quanto tempo for preciso.

Nas frentes de negociação de acordos, a tecnologia pode dar conta da realização de atividades como a leitura e coleta de informações em publicações oficiais, pesquisa por atualizações de processos, montagem de documentos, envio de comunicações, entre outras.

Automação de processos: impactos temporais

A grande vantagem da automação de processos é o aumento da produtividade. Sem precisar se preocupar com as tarefas mais burocráticas, os profissionais ganham um tempo valioso para focar no que realmente exige trabalho intelectual e atenção.

Ao invés de ter que correr atrás de atualizações processuais nos sites de Tribunais, por exemplo, essas informações podem ser coletadas pela tecnologia. Sobra mais tempo para a equipe jurídica pensar estrategicamente os casos ou para fazer atendimentos mais qualificados aos consumidores.

Outra vantagem da automação de processos para a estratégia de acordos da empresa é a otimização do controle dos prazos. É o que acontece, por exemplo, com o novo serviço que a MOL — Mediação Online passou a oferecer após adquirir a Robobiz, startup especializada em Robotic Process Automation.

A tecnologia oferecida faz a captura de processos administrativos gerados no consumidor.gov e no Procon para as empresas-clientes. Como elas têm um prazo de 10 dias para responder às demandas, o tempo economizado na tarefa de coleta desses casos libera os profissionais para trabalharem efetivamente na negociação. Uma forma de ter mais eficiência na construção de acordos, prevenindo a abertura de processos jurídicos contra a companhia.

Redução de erros humanos

Acordos exigem constantes esforços envolvendo um grande número de pessoas, dentro e fora dos departamentos jurídicos. Manter todas as pessoas informadas, alinhadas e atentas não é uma tarefa fácil. Tanto que a maior parte dos erros que comprometem a efetivação das estratégias de negociação de uma empresa são humanos.

Estamos todos sujeitos a erros e esquecimentos. Mas com a automação de processos, as chances de falhas e perda de informações diminuem drasticamente.

A automação permite a busca, monitoria e entrega da resposta da companhia ao consumidor. Isso auxilia na agilidade e assertividade do profissional. Além disso, todas atividades são armazenadas e registradas em detalhes: nada é perdido.

Os conflitos administrativos capturados pela tecnologia oferecida pela MOL — Mediação Online, por exemplo, são armazenados em um único lugar. Além de facilitar a gestão dos casos, isso ajudar a dar visibilidade aos mais urgentes. Ficou curioso? Para saber mais sobre a nova funcionalidade, agende uma demonstração.

, ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Posts Recentes

Menu